Home Notícias Valor de multas por apreensões de palmito-juçara quintuplica em um ano e...

Valor de multas por apreensões de palmito-juçara quintuplica em um ano e chega a R$ 1 milhão

166
0
SHARE

Um balanço divulgado nesta terça-feira (12) pela Polícia Militar Ambiental mostra que as multas por apreensões de palmito-juçara aplicadas entre janeiro e fevereiro de 2019 no Vale do Ribeira, interior do estado, somam R$ 1.037.240,00.

O valor é cinco vezes maior que o do mesmo período de 2018, quando as penalidades chegaram a R$ 184.200,00. Neste ano, foram apreendidos 280 potes de palmito industrializado e 1.476 hastes in natura.

A extração ilegal é enquadrada como crime ambiental e a multa é aplicada a cada um dos infratores identificados pela polícia. O valor varia conforme a quantidade de palmito encontrada. Denúncias à Polícia Ambiental podem ser feitas pelo telefone 190.

Extração ilegal
O palmito-juçara nasce na floresta da Mata Atlântica. Depois que ele é extraído das palmeiras, a planta morre e são necessários em torno de oito a doze anos para gerar palmito.

O Brasil é um dos maiores produtores e consumidores de palmito no mundo, de acordo com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). A extração ilegal é uma das principais ameaças à espécie, já que o palmiteiro é fundamental na dieta de vários animais, como tucanos, esquilos e macacos.

LEAVE A REPLY