Home Notícias Jornal BEM-TE-VI entrevista organizadores da Arena Peruíbe no Barros Altas Horas

Jornal BEM-TE-VI entrevista organizadores da Arena Peruíbe no Barros Altas Horas

248
0
SHARE

Na última terça feira (01) aconteceu o lançamento de divulgação dos shows que estão agendados para acontecer no feriado do Dia da Independência, na praia de Peruíbe, ao lado do Aquário da cidade. Com shows confirmados de Anitta e Gustavo Lima no dia 8 de setembro, O Rappa e Jah Vive no dia 9, e para finalizar, no dia 10 está marcado Jorge e Matheus e Gustavo Mioto. A abertura do espaço será a partir das 16h, diariamente, iniciando com apresentações de DJs e abertura da Praça de Alimentação.

O Jornal BEM-TE-VI foi convidado para esta festa de lançamento, junto com outros outros veículos de comunicação, além também de empresários e políticos de Peruíbe.

Fizemos uma entrevista com o Tadeu Bismara, da Biz Eventos, e  Anderson de Souza da The Mindy Publicidade e Eventos, responsáveis pela realização da “Arena Peruíbe Juréia Fest 2017 (Pé na Areia)”.

Tadeu afirmou que o evento ainda não tem aprovação dos Bombeiros, mesmo assim garantiu que em 15 dias isto já seria resolvido. Além disso, os organizadores disseram que após esses shows é provável que novos eventos sejam organizados ainda nos próximos meses,  para agitar a temporada de verão na cidade. Escute a entrevista no vídeo abaixo e confira como foi esse bate papo, no Bar Barros Altas Horas, em Peruíbe.

 

Preocupação com a mata de Jundu

Foto: Renato Carraro

O biólogo do Aquário de Peruíbe, Thiago Nascimento, diz ter medo do show prejudicar uma área verde que tem mata de Jundu, onde também tem ninhos das Corujas Buraqueiras.

“Tem uma área que dá acesso à praia, sem precisar ir pela área onde está em crescimento do Jundu, mas vai ter que fazer um cercado em toda área para preservar a vegetação, igual foi feito no show da Ivete Sangalo. Se não fizer um isolamento certo, a galera pode entrar e destruir essa área preservada, sendo que é fácil criar esse cercado”.

Thiago alerta para que o lixo, após os shows, seja removido imediatamente. “Se não a maré vem e leva o lixo para o mar. Eu quero que o show aconteça, mas precisa ter medidas para que o Jundu seja protegido e não cause poluição em nosso meio ambiente”.

Uma sugestão do biólogo, seria a empresa criar placas de sinalização e conscientização  do público em relação ao Jundu e para jogar lixo no lixo, até para que as placas permaneçam para os próximos eventos. “Vale lembrar que o Jundu é de extrema importância, pois ajuda contra a erosão da maré costeira e é por isso que é preservado por lei federal”, finaliza Thiago.

Legislação

Apesar da existência  da Lei 9605, sobre os crimes ambientais, técnicos do Ibama afirmam que o jundu pode estar em fase de extinção. Tanto a Lei 9605, quanto o decreto 3 179, preveem pena de três meses a um ano de prisão e multa, cujo valor corresponde a área desmatada. Segundo a resolução nº 07, de 23 de julho de 1996 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), além da vegetação original, o jundu tem três estágios de regeneração que são divididos em três partes: inicial, médio e avançado.

Biodiversidade

Além disso, existe uma diversidade de espécies da fauna e flora nessas moitas como , por exemplo, ervas do tipo trepadeiras, serrapilheira, canelinha-do-brejo, orelha-de-onça, maria-mole, samambaia-de-buquê, cana de congonhinha,, feijão-de-praia e erva baleera.  Há ocorrências de aves migratórias e residentes como, bem-te-vis, sairás, tucanos e araçaris, arapongas, jaós e jacus, que também são constantes.

 

Veja o vídeo de divulgação de como será a estrutura da Arena Peruíbe

 

Assista o vídeo da Anitta convidando o público a participar do evento 

 

Gustavo Lima também também confirmando presença no Arena Peruíbe

 

 

 

Texto e Entrevista Vídeo: Lucas Galante

Vídeo dos Artistas e Arena 3D: Divulgação Arena Peruíbe

Fonte de Informações sobre o Jundu:  Jornal Costa Norte/Meio Ambiente/ed. 457/ 7 a 11 de abril/2001/pág 12

LEAVE A REPLY