Home Notícias Prova de concurso para Procurador do Município é anulada em Peruíbe

Prova de concurso para Procurador do Município é anulada em Peruíbe

359
0
SHARE

A prefeita  Ana Preto decidiu anular as provas do concurso público ’01/2016′ para o cargo de Procurador do Município, realizadas no dia 8 de maio. A segunda etapa do certame que estava marcado para o próximo domingo (22) está suspensa.

Esta é a segunda vez que avaliações do mesmo concurso são anuladas na cidade. A primeira medida abrangia apenas os cargos de agente operacional, auxiliar de saúde bucal, mecânico, professor de arte e de educação especial e ocorreu após uma polêmica envolvendo o gabarito, que tinha número de alternativas inferiores ao das provas aplicadas pelo Instituto Moura Melo.

Já a decisão mais recente foi divulgada no início da tarde desta terça-feira (17). Segundo edital de anulação, foi considerado um ofício enviado pela 149ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que apontou ocorrências durante a realização das provas objetivas relativas ao cargo de procurador.

Segundo o presidente da OAB em Peruíbe, Sérgio Martins Guerreiro, as medidas adotadas visam exclusivamente a segurança da prova. Ele também contesta a capacidade do Instituto na aplicação do concurso.

“Recebemos várias reclamações de irregularidades como a falta de controle dos aparelhos eletrônicos no dia da prova e pessoas que saíram da sala e voltaram com o celular nas mãos ligados. Não havia saco plástico para colocar os telefones. Sem contar que com duas anulações seguidas a empresa já demonstrou incapacidade na execução do serviço”, disse.

A comissão do concurso decidiu acatar o ofício da OAB e suspendeu também o ato público que seria realizado nesta terça com a abertura dos envelopes. A prova prático-profissional agendada para domingo também foi suspensa.

Nova data
A nova data para realização das provas objetivas foi marcada para o dia 5 de junho. O local e horário devem ser divulgados no site do Instituto Moura Melo e na página oficial da prefeitura de Peruíbe até 30 de maio.

O edital assinado pela prefeita diz ainda que eventuais prejuízos decorrentes da medida deverão ser “suportados pela Empresa Moura Melo Concurso”, responsável pela elaboração do concurso.

 

Fonte: G1

Postagem: Lucas Galante

LEAVE A REPLY