Home Notícias Marcelo Senna pinta obra “Quem lê, viaja” na faixada da biblioteca...

Marcelo Senna pinta obra “Quem lê, viaja” na faixada da biblioteca municipal de Peruíbe

734
0
SHARE

Em Peruíbe, Marcelo Senna realizou obras de arte que são admiradas pela população, como a pintura da parte externa do Aquário, um dos pontos mais turísticos mais visitados do Município. 

Também já produziu desenhos em mais de 30 quiosques na orla da praia, além do painel “Turismo Espacial”, que retrata a Cidade com Ets e índios. 

Uma viagem pelo mundo do conhecimento desde os tempos da pré-história até as grandes descobertas da atualidade. O passeio é marcado pelo encontro com os grandes gênios da humanidade, como Albert Einstein, Leonardo da Vinci e Charlie Chaplin, que apontam para as revoluções nas ciências, nas artes e na cultura.

Das grandes embarcações que cortam os mares, o destino do ser humano vai para os trilhos de uma ferrovia, seguindo a bordo de um avião com Alberto Santos Dummond, até a chegada ao espaço com um foguete.

Esse é o cenário do painel “Quem lê, viaja”, assinado pelo artista plástico Marcelo Senna, que agora estampa a fachada da Biblioteca Municipal Manoel Castan. A obra reproduz uma tela criada pelo próprio artista que associa a experiência da leitura a uma viagem para um mundo de ideias e do conhecimento. A base do cenário é um jogo de xadrez, que explora a inteligência do ser humano, assim como ocorre com os livros.

A elaboração do painel surgiu de uma parceria entre o artista e  Prefeitura de Peruíbe, por meio do Departamento de Cultura, como parte do projeto de revitalização da Biblioteca Municipal. 

“É uma grande honra fazer um trabalho como este. Sempre fui um ‘rato de biblioteca’, gosto muito dos livros e desse ambiente. Este trabalho, portanto, é uma forma de agradecimento à biblioteca por tudo o que ela representa para mim”, disse o artista.

Artista

Atualmente, ele trabalha para viabilizar um projeto para a confecção de uma estampa gigante no prédio redondo, com o desenho de duas baleias. “Este é o meu grande sonho para a Cidade, para valorizar a imagem e a história do seu principal cartão-postal, que é o prédio redondo”, afirma.

Investimentos na cultura

O novo visual também é um atrativo para ampliar ainda mais a quantidade de pessoas que visitam a biblioteca semanalmente. Nos últimos meses, o Departamento de Cultura reforçou os trabalhos para melhorar a estrutura interna e adequar o espaço para a realização de eventos e atividades voltadas à população. Em breve o local ganhará uma sala para workshops, oficinas culturais e cineclube.

A partir de fevereiro, a biblioteca terá o seu funcionamento expandido para o atendimento do público. O público poderá visitar o local de segunda das 9 às 19h (hoje o horário é das 9 às 16h) e, de maneira inédita, aos sábados, das 9 às 12h, permitindo assim ampliar o acesso dos munícipes ao acervo de livros e à programação de eventos.

O espaço também conta com uma bibliotecária, efetivada por concurso público, que está elaborando o regulamento para a utilização dos materiais disponíveis para a leitura. 

Divulgação: Imprensa Peruíbe
Edição e postagem: Lucas Galante

LEAVE A REPLY