Home Notícias Verba para construção do hospital municipal volta para o Estado

Verba para construção do hospital municipal volta para o Estado

314
0
SHARE

Os R$ 7,5 milhões liberados pelo Governo Estadual para a construção do novo hospital com capacidade para 100 leitos foram devolvidos ao Estado.

A confirmação da devolução do recurso, fazendo com que o projeto não saísse do papel, é do Dr. Marco Botteon, ex-Diretor da Regional de Saúde da Baixada Santista (DRS IV), órgão responsável por repassar a verba ao município.

Com a liberação da verba a prefeitura, ao longo dos últimos três anos, não conseguiu executar o projeto para a realização da obra. Acredito que tenha faltado planejamento e vontade política”.

Segundo Dr. Botteon, este fato não manchará a imagem da Prefeitura junto ao Estado. “A verba ainda poderá ser recuperada. Para tanto, será necessário justificar os motivos que levaram a Prefeitura a não construção do hospital, pleiteado pela população há vários anos”.

A ideia inicial sugerida pelo Dr. Botteon, era a construção de um hospital com 100 (cem) leitos. Deste total, 50 leitos ficariam a cargo da Prefeitura de Peruíbe. Os outros 50 leitos restantes ficariam regulados pelo Estado, diminuindo, assim, significativamente os gastos do município.

Dr. Marco Botteon é oncologista e hoje, também, veem trabalhando sua pré-candidatura a deputado estadual pelo PSD – Partido Social Democrático. Com seu conhecimento na área da saúde, pretende criar projetos que torne mais ágil o atendimento nas redes básicas de saúde.

 

Pretendo sugerir ao próximo governador a contratação de um médico que atuará em período integral nas unidades básicas de saúde. Ou seja, desde a abertura até o fechamento da unidade. Esse médico atuará junto aos pacientes que apresentam pequenos problemas de saúde, como: dor de garganta, febre ou dor cabeça. Deixando, assim, o pronto socorro exclusivamente para o atendimento de emergência”.

A prefeita Ana Preto disse quando apresentou o projeto: “meu compromisso é continuar batalhando por recursos para viabilizar esse e outros projetos na área da Saúde, que certamente é uma das  prioridades desta administração”.

 
Fotos: Divulgação Prefeitura de Peruíbe e Marco Botteon
 
Texto: Lucas Galante
 



 
 
 

 

LEAVE A REPLY